Sexta-feira, 30 de Abril de 2010
30 de Abril de 2010

 

Adoro cozinhar coisas diferentes, mas no dia-a-dia, em família tenho que cozinhar um pouco mais tradicional. Como estava em casa sozinha com o meu filho, decidi fazer algo diferente para o nosso almoço, é doce mas nutritivo, com fruta fez o almoço perfeito (para gulosos, claro)!

 

Em pequena lembro-me de ver a minha avó fazer para o almoço dela as papas de milho com grelos, aquilo fazia-me cá uma confusão...

 

De qualquer modo aproveitei para experimentar o meu queimador de açúcar eléctrico novo! Adorei, funciona lindamente e fica com o aspecto desejado - perfeito!

 

 

Ingredientes:

500g leite

60g farinha de milho

60g açúcar

1 casca de limão

1 pau de canela

 

Preparação:

Coloque todos os ingredientes numa caçarola. Leve a lume brando, mexendo sempre, até começar a engrossar. Assim que começar a despegar do fundo da caçarola, desligue o lume e retire a casca do limão e o pau de canela, de seguida coloque em taças.

 

 

Um pouco antes de servir, cubra as taças com açúcar e queime com o queimador.

 

 

 

É muito simples, esta receita, e bastante agradável. A receita foi adaptada daqui!

 

 

Vou voltar a fazer brevemente! Adorámos!

publicado por suzi às 19:04
link do post | comentar | adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 24 de Março de 2010
24 de Março de 2010

 

Esta receita estava para ser publicada há algum tempo, confesso. Mas como gulosa que sou, prefiro sempre quando tenho publicações de doces! Agora serviu que nem uma luva no alfabeto culinário, desafio proposto pela Mary no blog Delicias e Talentos, desafios em que tento sempre participar, apesar de me ter perdido a meio das cores!!

 

 

 

Apesar de ter deixado de comer carne de porco e também de vaca, não sou fundamentalista, por isso, de vez em quando faço uma excepção. É claro que Cachupa tinha que ter carne. Assim pus muito pouca, só mesmo para enganar. Pode utilizar muito mais carnes como numa feijoada, por exemplo. Aqui fica:

 

Ingredientes:

1 farinheira
1 tira de piano de porco

3 dentes de alho
2 cebolas grandes
1 folha de louro
0,5kg de milho branco
1/2 couve lombarda
1 lata pequena de feijão encarnado

1 cenoura
1 batata-doce
100g de abóbora

1 tira de pimento vermelho

Vinho branco

Azeite
Sal
 

De véspera demolha-se o milho, no dia seguinte coze-se na panela de pressão durante 10 minutos.

 

 

Numa caçarola faz-se o refogado com as cebolas, os alhos, o azeite e o louro. Adiciona-se de seguida a couve lombarda cortada em tirinhas, o pimento, a cenoura, a abóbora e a batata-doce em cubos. Adiciona-se a carne cortada em pedaços, um pouco de vinho branco e água se necessário, e deixa-se cozer tudo muito bem. Quando estiver quase coloca-se dentro da caçarola a farinheira. Depois junta-se o milho, o feijão e deixe ferver até estar tudo bem quente!

 

Este milho (canija) vende-se nas grandes superficies e também no PD. É só procurar!

 

Com um grande beijinho para todas as pessoas que conheço, de Cabo Verde! E foi em casa de uma senhora Caboverdiana que comi Cachupa pela primeira vez e fiquei a adorar! Uma grande Senhora!

publicado por suzi às 22:14
link do post | comentar | adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 10 de Fevereiro de 2010
10 de Fevereiro de 2010

 

Este pão veio para ficar, já testei várias receitas e esta foi mais um experiência, utilizando farinha de milho - ficou mesmo no ponto! E para ajudar foi cozido em forno de lenha que lhe deu logo outro ar e... outro sabor! Este dois corações foram feitos pelos meus filhos que adoram ajudar na cozinha!

 

 

A receita original está aqui, mas vou aqui deixar a receita tal como a fiz:

 

Ingredientes:

4 copos de farinha de trigo

2 1/2 copos de farinha de milho

3 copos água morna

1 1/2 colher sopa de sal

1 1/2 colher sopa fermento biológico seco

 

Num recipiente grande misture todos os ingredientes apenas com uma colher de pau. Tape-o e deixe levedar, à temperatura ambiente, durante 2 horas. Com as mãos enfarinhadas molde o pão, ou vários pães mais pequenos, e coloque no tabuleiro de levar ao forno, pode utilizar mais um pouco de farinha se vir que é necessário.

 

 

 

Deixe repousar durante cerca de 40 minutos.

 

 

 

Depois polvilhe o pão com farinha de milho e faça um corte em forma de cruz para que este abra durante a cozedura. 
Por baixo coloque o tabuleiro do forno com água a ferver de modo que coza com vapor. Coloque o pão no forno previamente aquecido a 180º e deixe cozer durante cerca de 30 minutos.

 

 

A restante massa pode ser guardada no frigorífico durante cerca de duas semanas. Quando quiser fazer novamente pão é só repetirar um pouco de massa e repetir o processo. Utilizei a massa toda, por isso desta vez, não guardei.

 

 

É mais um pão com a marca Artisan!!!

 

Também pode rechea-lo com chouriço ou presunto conforme o gosto! Eu preferi simples para comer quentinho com manteiga... hummmm, mesmo a chamar por nós neste inverno que não nos deixa!

2
publicado por suzi às 14:28
link do post | comentar | adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 17 de Abril de 2009
17 de Abril de 2009

Este pão não era para ser nada disto! Calmamente ia fazer o pão de centeio que ainda não o postei por aqui, mas quando cheguei à dispensa - onde é que estava a farinha de centeio? Tinha acabado! Tive que inventar e socorrer-me do que havia. O resultado não podia ter sido melhor e o pão ficou excepcional. Já o meu avô dizia que 'a necessidade aguça o engenho'!

 

 

A receita que fiz foi a seguinte:

 

Ingredientes:

360 ml de água 

2 colheres de sopa de azeite

1 e 1/2 colher de chá de sal

2 colheres sopa açúcar

2 colheres sopa leite em pó

3 copos (medida da MFP) de farinha de trigo para pão

1/2 copo de farinha de milho

1/2 copo de farinha de soja

1/2 copo de flocos de aveia

15g fermento fresco ou 2 colheres chá de fermento seco

2 colheres de sopa de sementes de linhaça

1 colher de sopa sementes de girassol

1 colher sopa sementes de sésamo

 

Coloque todos os ingredientes na MFP pela ordem indicada excepto as sementes. Escolha o peso 900g, a tostagem do seu agrado e utilize o ciclo Integral ou Normal. Quando soar o bip colocar as sementes.

 

Se utilizar o fermento fresco, este tem que ser diluído na água morna logo no início.

 

Uma vez fiz um pão de milho que correu tão mal que nunca mais exprimentei! Esta invenção correu muito bem! O pão ficou excelente!

7
publicado por suzi às 08:37
link do post | comentar | adicionar aos favoritos
suzise7epecados
Ideias recentes
 
messenger_code_117968768348004_2
Tags
Arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D

2016:

 J F M A M J J A S O N D

2015:

 J F M A M J J A S O N D

2014:

 J F M A M J J A S O N D

2013:

 J F M A M J J A S O N D

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

Mais comentados
12 comentários
7 comentários
Comentários recentes
  • Boa tarde,Ainda tem kefir para doar?Pago os portes...
  • Uma delícia!! Fiz uma pequena alteração em vez de ...
  • Menina, isso está uma tentação! Boa semana! :)
  • olá,Sou grande apreciadora do kefir. Tenho grão pa...
  • O leite condensado não é cozido.Cumprimentos,
  • LEite condensado cozido ou nao?
  • fiquei sabendo que o kefir com canela é bom para d...
  • O meu yogurte de kefir esta muito ácido o q fazer...
  • Posso fazet rm forma sem buraco?
  • Excelente receita. Já fiz: fica linda, mas excessi...
  • Links
    RSS