Domingo, 23 de Janeiro de 2011
23 de Janeiro de 2011

 

 

Esta torta foi uma experiência. Como adoro bolos com pêra, testei esta também. O resultado foi muito positivo, como se pode ver!

  

 

Sou fã de tortas. Primeiro ficavam mesmo tortas, mas com o tempo têm ficado umas tortas mais direitas! Como esta! Fiz assim:

 

Ingredientes:

600g de pêras

200g de açúcar amarelo

4 ovos

1 limão (raspa e sumo)

4 colheres sopa farinha

1 colher chá fermento em pó

Canela

 

Preparação:

Descasque as pêras e corte-as em pedaços, regue com o sumo de metade do limão e coza-as em água com um pouco de açúcar. Escorra a água e reduza as pêras a puré. Junte o açúcar, os ovos, a raspa e o sumo do limão, bata muito bem. Acrescente a farinha e o fermento e junte ao preparado. Misture bem.

 

Deite o preparado num tabuleiro forrado com papel vegetal e untado com margarina. Coza em forno pré-aquecido a 180º, durante cerca de 20 minutos.

 

Desenforme a torta ainda quente sobreum pano polvilhado com açúcar. Retire o papel vegetal, polvilhe com a canela e enrole com a ajuda do pano. Depois de arrefecer coloque numa torteira.

  

 

 

A combinação pêra e canela é fabulosa, ficou divinal!

 

 

 

Uma verdadeira tentação....

 

A receita original está aqui!

 

publicado por suzi às 21:01
link do post | comentar | adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 11 de Agosto de 2010
11 de Agosto de 2010

 

Esta é uma torta polémica! Fantástica, mas polémica. As opiniões divergiram porque houve quem achasse que era um pouco enjoativa. Na realidade eu não achei, pronto, sou sincera! Achei que ficou deliciosamente doce, claro!

 

O único problema é que, raramente as minhas tortas ficam direitas, mas começo a achar que é por isso que se chamam tortas. A torta de alfarroba ficou lindíssima e não partiu. Penso que o segredo está nos ovos, ou seja, as receitas de tortas em que utilizo 6 ovos ficam direitas, enquanto que as tortas com menos ovos, normalmente partem. Tem toda a lógica porque fica mais macia com mais ovos e é mais fácil enrola-la!

 

 

Bem o melhor mesmo é serem vocês a testá-la e depois digam como é que ficou! Eu adorei!

 

Aqui fica a receita:

 

Ingredientes:

 

Para a torta:

160g açúcar

120g farinha

70g margarina de girassol

3 ovos

1 colher sopa fermento

 

Para o creme:

1 lata de leite condensado cozido

60g côco

 

Preparação:

Bata os ovos com o açúcar, até obter uma mistura esbranquiçada. Adicione a farinha já com o fermento e a margarina derretida. Coloque num tabuleiro, forrado com papel manteiga, untado com margarina e enfarinhado. Leve ao forno a 180º, durante cerca de 10 minutos.

 

Vire-a sobre um pano coberto com 1/3 do côco. Espalhe metade do leite condensado sobre a torta e polvilhe com mais 1/3 de côco. Enrole. Cubra com a outra metade do leite condensado, e polvilhe com o restante côco.

 

 

Receita adaptada daqui.

 

6
publicado por suzi às 22:32
link do post | comentar | adicionar aos favoritos
Terça-feira, 3 de Agosto de 2010
3 de Agosto de 2010

 

É verdade que a blogosfera tem andado inundada de receitas algarvias. Eu adoro o algarve, nomeadamente as praias fantásticas com águas quentíssimas e um clima invejável! É obvio que todos os anos passo lá uma parte das minhas férias. No entanto este post não tem nada a ver com isso. Tem sim a ver com alguns doces que provei por lá e também com um pacote de farinha de alfarroba que estava aberto na dispensa e a precisar de ser utilizado.

 

 

A receita aqui fica:

 

Para a torta:

180g farinha c/ fermento

30g farinha de alfarroba

190g açúcar

1 colher chá fermento

6 ovos

 

Preparação:

Bater os ovos com o açúcar. Numa taça misture as farinhas e o fermento. Junte ao preparado dos ovos. Leve ao forno pré-aquecido a 180º, em tabuleiro forrado com papel manteiga, durante cerca de 15 minutos.

 

Para o creme:

4dl leite

80g açúcar

30g farinha

2 colheres sopa farinha alfarroba

2 ovos

 

Preparação:

Leve o leite a ferver. Numa taça misture os restantes ingredientes. Aos poucos junte-lhe o leite quente, mexendo até estar bem ligado. Leve a lume brando, mexendo sempre, até engrossar.

 

Desenforme a torta em cima de um pano de cozinha, cubra toda a superfície com 1/3 do creme. Enrole e cubra com o restante creme.

 

Fica uma delícia e enganei muito bem os meus filhos que a comeram como torta de chocolate. O interesse da alfarroba não é fingir-se de chocolate, o resultado é que é fantástico e a cor engana os mais pequenos! Um sabor fabuloso!

 

 

Decorei com physalis da quinta que lhe dão um certo glamour! E fica enorme esta torta!

 

 

6
publicado por suzi às 17:29
link do post | comentar | adicionar aos favoritos
suzise7epecados
Ideias recentes
 
messenger_code_117968768348004_2
Tags
Arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D

2016:

 J F M A M J J A S O N D

2015:

 J F M A M J J A S O N D

2014:

 J F M A M J J A S O N D

2013:

 J F M A M J J A S O N D

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

Mais comentados
12 comentários
6 comentários
Comentários recentes
  • UF! Que sorte ter voltado a encontrar esta receita...
  • Boa tarde,Ainda tem kefir para doar?Pago os portes...
  • Uma delícia!! Fiz uma pequena alteração em vez de ...
  • Menina, isso está uma tentação! Boa semana! :)
  • olá,Sou grande apreciadora do kefir. Tenho grão pa...
  • O leite condensado não é cozido.Cumprimentos,
  • LEite condensado cozido ou nao?
  • fiquei sabendo que o kefir com canela é bom para d...
  • O meu yogurte de kefir esta muito ácido o q fazer...
  • Posso fazet rm forma sem buraco?
  • Links
    RSS